quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Etapa 04


Acordar numa tenda berbere em pleno deserto do Erg Chebi

Uma pequena dificuldade para um ligeiro... e o espírito de entreajuda do PDChallenge.


Fotos da belíssima etapa de hoje.

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Etapa 01



Uma etapa atribulada com passagem por: Cartaxo, Coruche, Évora, Beja, Mértola (sempre linda), Castro Marim, Espanha (!! gasóleo a 1,13€... depois de n bombas fechadas na Serra Algarvia devido ao adiantado da hora!)... e Tavira! :-)
Dormida 5 estrelas no Pedras d'El Rei, e cá vamos nós...

sábado, 18 de dezembro de 2010

Caminhada - CAOS - Serra de Montejunto 12km

















Extensão: 8,1 km.Grau de dificuldade: -Ponto de partida / chegada: A caminhada tem o seu início e termina alto da serra de Montejunto junto ao Parque de Campismo. Itinerário: Percurso circular.
"Inicie o percurso a partir do Parque de Campismo em direcção à entrada do Quartel, continuando sempre em frente até ao pinhal onde está instalado um parque de merendas.
Sem sair da estrada, vire à direita e desça em direcção ao cruzamento onde está aestátua de N. Sra. das Neves, seguindo a partir daqui a direcção para Vila Verde dos Francos. Depois de andar cerca de 900 metros vai encontrar, do lado direito, uma estrada de terra e, cerca de 100 metros depois, procure um pequeno carreiro que o vai conduzir para fora da estrada de alcatrão.
Suba a encosta seguindo este caminho de pastoreio até ao topo. Se não tiver vertigens aproxime-se da escarpa em rocha nua que tem do seu lado direito. Deste local pode alcançar uma magnífica vista panorâmica sobre o lado Norte da Serra. Voltando ao circuito, procure seguir o trilho em direcção ao pequeno bosque de pinheiros, mantendo a rota para Oeste. Acabará por chegar a um caminho de terra que o vai conduzir durante a descida da encosta até chegar a um pinhal por onde passa uma estrada de terra batida. Siga para a esquerda, direcção Sudeste, ao longo do Caminho do Sul.
Depois de caminhar cerca de 1.300 metros vai chegar ao Vale da Ramada, também conhecido por Vale da Cascalheira, onde encontrará um novo trilho que começa na curva apertada definida pelo vale. Siga por este trilho, conhecido pelo menos desde o século XIX como caminho dos “S”, o qual era utilizado pela população de Cabanas e Pragança para comunicarem entre si. O desenho do caminho facilita a subida, ajustando-se bem à orografia declivosa do terreno.
Quando terminar esta subida de maior declive fixe a direcção dos emissores de Montejunto e procure um trilho que o vai conduzir até uma curva da estrada de alcatrão. A partir desta curva já está muito próximo da igreja de N. Sra. das Neves. Visite o convento Dominicano, a capela de S. João e as ruínas que lhe são contíguas. Nesta zona vai encontrar leitores de paisagem que lhe permitem uma identificação mais fácil dos elementos que constituem a paisagem de perder de vista…
Depois de um merecido descanso, siga o sentido descendente da estrada de alcatrão até voltar a encontrar o cruzamento do parque das merendas. Vire à direita em direcção às instalações da Força Aérea e dirija-se para o ponto de partida junto ao Parque de Campismo. O circuito terminou."

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Dia -16 Os nossos apoios! A quem Agradecemos!!


Tem dor nas costas?


Feira do Livro de Fotografia - Fabrica Braço de Prata 10 a 12 Dezembro


Esta feira tem a sua primeira edição de 10 a 12 de Dezembro de 2010 na Fabrica do Braço de Prata em Lisboa e apresentará os editores abaixo designados com edições relacionadas com fotografia (fotográficas e teóricas) que vão desde preços simbólicos até edições limitadas e de autor com valores significativos no mercado nacional e internacional.
Esta será uma oportunidade para os interessados em fotografia, livros e objectos alternativos entre a imagem e o livro poderem (re)descobrir e adquirir alguns exemplares raros e outros muito recentes.
Em paralelo haverá 2 conferencias durante o fim de semana que iniciarão o debate da relação do meio fotográfico com a impressão em livro e na imprensa (papel e digital).

Editores/livrarias:
- A Estante
- Alexandria Livros
- Arquivo Municipal de Lisboa – Arquivo Fotográfico
- Chromma
- Fundació Foto Colectania
- Gustavo Gili
- Inc. Livros e edições de autor
- Kamera Photo
- Livraria Braço de Prata (Assirio e Alvim, Relógio d’Agua e Cotovia)
- Pente 10
- Pierre Von Kleist
- Vera Cortes – Agencia de arte / TIJUANA Lisboa

Talks:
6ªfeira 21.30h – Apresentação do livro de fotografia "My frontiers" de João Miguel Baptista
Sábado 17.30h – Fotógrafos que também são editores [Jose Pedro Cortes, Andre Cepeda, Patricia Almeida, Carlos Lobo]
Domingo 17.30h – Para acabar de vez com o fotojornalismo? [Fotógrafos da Kameraphoto: Céu Guarda (editora de fotografia do Jornal i) e Martim Ramos]
Horário:
Sexta: 18h - 24h
Sábado e Domingo: 16h - 23h
Entrada livre até às 21h30
Organização: Os Suspeitos, Filipa Valladares e Exposições Fábrica Braço de Prata

sábado, 4 de dezembro de 2010

Zola Jesus



Nika Roza Danilova, é artesã de melodias lo-fi, catárticas, etéreas e sombrias. Em 201o acompanha Fever e os The XX. Trazem um momento especial de lucidez e de beleza, que nos atemoriza ao mesmo tempo que nos apaixona.

Kele


Vocalista dos Bloc Party, agora a solo, mostra novos caminhos, mas sobretudo demonstra a mente criativa e apaixonada de um artista brilhante capaz de ir muito além dos supostos mainstream.

Lars and the Hands Of Light


São provenientes de Copenhaga , apostam num som indie/pop com toques nostalgicos dos anos 60, misturado com arranjos electronicos e guitarras acusticas.

Hollywood Mon Amour



É uma colecção de grandes temas classicos de filmes dos anos 80, o repertório revitaliza as canções dando uma roupagem totalmente distante da original. (...)


SuperBock em Stock 2010 -

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Moments 2011 - Vestidus

Mais um Evento exclusivo para noivas 2011.

Quer conhecer de perto o nosso trabalho? Faça a sua marcação!!

domingo, 28 de novembro de 2010

Dia -28 Portugal Challenge



Hoje apresento a "Camilla" , viatura possante na qual embarcamos nesta aventura....

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Dia -30 Portugal Challenge

O percurso....

Raid de 5000 km

ETAPA I 26 Dez.: 2010 : CORUCHE (Partida) - TAVIRA ( 320 Km – percurso misto)
ETAPA II 27 Dez.: TAVIRA – FEZ ( 790 Km – percurso asfalto)
ETAPA III 28 Dez.: FEZ – MERZOUGA ( 457 Km – percurso misto )
ETAPA IV 29 Dez.: MERZOUGA – ZAGORA ( 297 Km – percurso misto )
ETAPA V 30 Dez.: ZAGORA – TATA ( 258 Km – percurso misto )
ETAPA VI 31 Dez.: TATA – FORT BOU-JERIF ( 402 Km – percurso misto )
ETAPA VII 01 Jan.: FORT BOU-JERIF – SMARA ( 462 Km – percurso misto )
ETAPA VIII 02 Jan.: SMARA – SAHARA DESERT CAMP I ( 165 Km – percurso misto )
ETAPA IX 03 Jan.: SAHARA DESERT CAMP I – SAHARA DESERT CAMP II ( 223 Km – percurso pista)
ETAPA X 04 Jan.: SAHARA DESERT CAMP II – DAKHLA ( 295 Km – percuros misto )
ETAPA XI 05 Jan.: DAKHLA ( Corrida Solidária Mais Louca do Mundo – Areal na Baía )
ETAPA XII 06 Jan.: DAKHLA – TAN TAN ( 807 Km – percurso asfalto )
ETAPA XIII 07 Jan.: TAN TAN – MARRAKECH ( 570 Km – percurso asfalto )

Para registo de coordenadas as que estão previamente identificadas correspondem ao local de Partida, ponto mais distante e coordenadas de Chegada, respectivamente :
Coruche: 38º 57’ 29.45” N Dakhla: 23º 42’ 14.74” N Marrakech: 31° 8′ 0.00″ N
8º 31’ 37.15” W 15º 56’ 25.28” W 8° 0′ 0.00 “W
Esta aventura inicia-se no dia 26 de Dezembro de 2010 em Coruche de onde partimos rumo a Tavira, onde tem lugar a concentração de todas as equipes e partida para a primeira etapa, no dia 27 de manhã.
No almoço de dia 26 será entregue o Pack de Participação às equipes e realizar-se-á uma conferência de imprensa com alguns os embaixadores do evento, assinalando o arranque da 1ª Edição do Portugal – Dakar Challenge – A Corrida Solidária Mais Louca do Mundo.
Já em terras do Sotavento Algarvio, no dia 27 de manhã será dada a partida após cerimónia oficial com a presença de patrocinadores e organizações envolvidas.
As Etapas perfazem um total de aproximadamente 5000 km, passando por Espanha e Marrocos, sendo Dakar o destino dos contributos solidários, através dos quais estão assinalados, no Road Book, os trilhos do percurso. Durante toda a prova os grupos de equipas são acompanhadas por viaturas da organização que monitorizam, ainda que sem interferir na performance de cada participante, o desenrolar da “prova”.
Em cada uma das etapas haverá lugar a controlos de prova, e oportunidade para confraternizar e interagir com as culturas locais.
Em geral o percurso é acessível a viaturas de apenas duas rodas motrizes, sendo que nos locais mais exigentes e em caso de maior dificuldade em transpor os obstáculos, será posta à prova a camaradagem e o espírito de equipe dos restantes concorrentes. Em caso de necessidade as viaturas da organização poderão vir a intervir no sentido de ajudar a resolver uma situação mais difícil.
Thirty Camilla Team / http://www.claudiadamas.com/